Enquanto povo passa fome, governo paga apartamento para assessoras de Marcela Temer


Segundo informações do blog de Andréia Sadi, do G1, a Secretaria de Administração do Palácio do Planalto aprovou a concessão de apartamento funcional para duas assessoras pessoais da primeira-dama, Marcela Temer.


Denise Silva dos Reis Leal atua como nutricionista da primeira-dama e é responsável pelos cardápios do Palácio do Jaburu e também no Palácio da Alvorada. Cintia Borba é responsável pelas questões particulares de Marcela; já de acordo com o Planalto, ela cuida da “rouparia”, atuando como uma espécie de “supervisora” da residência oficial do presidente da República. O benefício do apartamento funcional é dado a servidores que ocupam cargos DAS 4, 5 e 6. Ambas as servidoras são DAS 4.


De acordo com o blog, Denise pleiteou o apartamento funcional e o processo foi aprovado porque, segundo o Planalto, ela atendia a todos os requisitos exigidos. Porém, procurada, a assessoria de Temer disse que o “presidente, consultado, vetou verbalmente” o imóvel à nutricionista. Já Cintia Borba foi agraciada com um apartamento funcional. A concessão do apartamento funcional a Cintia, segundo o Planalto, ocorreu no ano passado.


Segundo apurou o blog, a concessão dos apartamentos funcionais a ambas havia irritado servidores do governo na semana passada porque existe uma fila de espera para ser atendida com os apartamentos. E, por se tratar de assessores de Marcela, elas tiveram a preferência e passaram na frente de outros nomes que ainda aguardam ser contemplados.

Brasil 247.

Comentários

Postar um comentário