Filme da Lava Jato continua sendo um fracasso de bilheteria


Agência Sputinik – A estréia do polêmico filme sobre a Operação Lava Jato, no dia 7 de setembro, foi marcada pelo silêncio nas redes sociais e na imprensa. Segundo informações preliminares, a bilheteria deste fim de semana prolongado promete um retumbante fracasso.


Segundo o jornal paranaense Gazeta do Povo, o filme estreou em 16 salas de Curitiba e contou com uma média de 60 pessoas por sessão, “sem a lotação esperada”.

Parece que, neste caso, considerando as últimas reviravoltas da política brasileira, a vida tem sido bem mais interessante, do que a sua dramatização, mesmo com toda a propaganda da “Lava Jato – Polícia Federal, a lei é para todos”.

​Parece que mesmo a internet, sempre rápida em proporcionar um impressionante volume de comentários e conteúdos, teve dificuldade em reagir à peça, acusada de propaganda política por uns, e comemorada por outros.


De todo modo, o fraco desempenho da película nos cinemas foi notado, por enquanto, com bastante parcimônia.

​Como era de se esperar, os políticos alinhados ao atual governo aplaudiram a peça.

​E as principais figuras da oposição ao Temer e alinhados de alguma forma ao PT não pouparam críticas.

​Os memes, certamente, não devem demorar a chegar. Se o filme for visto por um número suficiente de pessoas.

Comentários