Temer e Cunha pagaram propina a deputados para derrubar Dilma, diz Funaro


No ano passado, no período em que começou a tramitar o pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff, Eduardo Cunha e Michel Temer “confabulavam diariamente”, segundo o doleiro e delator Lúcio Bolonha Funaro.


Na véspera da votação da aceitação do processo na Câmara, Cunha enviou uma mensagem a Funaro perguntando se ele teria disponibilidade de recursos para comprar os votos necessários para que a Câmara aprovasse a abertura do processo. Sem outros detalhes, Funaro diz que disponibilizou o dinheiro.

Comentários

  1. Ninguém derruba nem tira Temer da presidência, todos os bandidos que estão nos três poderes fizeram um pacto de vida ou morte. Se assim não fosse ele já teria saído há muito tempo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. TAMBÉM ACHO QUE EXISTE ALGUMA COISA MAIS OU MENOS DESSA NATUREZA, POIS ELES AFASTAM IMEDIATAMENTE, DE FORMA FIRME, QUALQUER TENTATIVA DE ATINGI-LOS. SE BLINDARAM MEEEEEESMO!!

      Excluir

Postar um comentário