Temer, inacreditável: “No Brasil, cada um quer derrubar o outro”. Dilma que o diga

Resultado de imagem para dilma temer

Do G1: O presidente Michel Temer criticou nesta terça-feira (12), em discurso no Palácio do Planalto, o fato de que, para ele, no Brasil “cada um quer derrubar o outro”. Temer também disse que o povo é capaz de superar problemas que, segundo o presidente, muitas vezes são “artificialmente criados”.


“O povo brasileiro é maior do que toda e qualquer crise, o povo brasileiro é capaz de encarar os problemas, muitas vezes artificialmente criados, e dizer ‘não vou para o artifício, eu vou na realidade’, e a realidade é o crescimento do país”, afirmou o presidente.

A declaração de Temer ocorreu um dia após a conclusão de um inquérito no qual a Polícia Federal aponta indícios de que o presidente tinha voz de comando em uma suposta organização criminosa formada por integrantes do PMDB da Câmara.


Pouco antes do discurso de Temer, o Palácio do Planalto divulgou uma nota na qual disse que “facínoras roubam do país a verdade” e que “bandidos constroem versões” em busca de imunidade ou perdão de crimes.

Comentários