VERGONHA! Imprensa europeia compara Temer a criança de 5 anos


Após extensa agenda com chefes de Estado e empresários em Nova York na tarde desta terça-feira (19), o presidente Michel Temer (PMDB) se calou ao ser perguntado pela imprensa brasileira sobre a nova denúncia contra ele oferecida pelo ex-procurador geral da República Rodrigo Janot na semana passada.


Temer se apresentou no início da noite para coletiva à imprensa brasileira. Um grande aparato foi montado para receber os jornalistas na sede da Missão do Brasil junto às Nações Unidas, mas o presidente preferiu não responder a nenhuma pergunta.

O peemedebista falou por cerca de 50 segundos sobre seus compromissos do dia. Em seguida, um repórter questionou se ele achava que as denúncias feitas por Janot deveriam ser reenviadas à nova procuradora geral, Raquel Dodge, que tomou posse nesta segunda-feira (17). Neste momento, Temer sorriu, deu as costas aos repórteres e foi embora.

Jornalistas portugueses presentes no local ficaram espantados com a atitude. “Ele sempre faz isso quando é questionado sobre corrupção?”, indagou uma repórter aos colegas brasileiros. “Parece a reação de uma criança de cinco anos”, completou.


A imprensa brasileira tentou fazer outras perguntas ao presidente, relativas à situação econômica do país, aos encontros da ONU e ao baixo índice de aprovação do governo divulgado nesta terça-feira. Temer, porém, não deu ouvidos e se retirou da sala.

Comentários