Bilhões em corrupção para salvar um corrupto

Resultado de imagem para temer

CHICO VIGILANTE - A compra de votos de Temer, entre junho e outubro deste ano, para barrar as duas denúncias criminais contra ele já alcançou a estratosférica soma de R$ 32,1 bilhões.


Outros R$ 4,2 bilhões de emendas parlamentares individuais de deputados, com execução obrigatória desde 2015, também já foram empenhados pelo governo.

O ritmo de liberações é definido pelo governo e esta manivela foi usada por Temer como máquina de corrupção para barrar a primeira denúncia e certamente está sendo usada para a votação da segunda, nesta quarta, 25/11.

Segundo o Núcleo de Transparência e Orçamento de meu gabinete que vem acompanhando a liberação de emendas, houve um aumento de 495% no montante do dinheiro liberado se compararmos apenas o período de setembro a outubro de 2016 com o mesmo período de 2017.


Para a compra de votos pelo golpista o congelamento de 20 anos nos gastos não funciona.

Por acaso algum setor da nossa economia, o PIB, o crescimento da indústria, da agricultura familiar, qualquer um, teve crescimento expressivo, ou minimamente significativo? Não.

Com esse dinheiro o Brasil poderia ter centenas de novas escolas, e não casebres de pau a pique como os existentes em várias regiões; teria muito mais casas do Minha Casa Minha Vida, cujo programa minguou na era Temer.


Com essa fortuna o país poderia construir mais e melhores estradas para o escoamento de nossa produção; estudantes e professores veriam nossas universidades salvas da penúria, do abandono e da falta de verbas para pesquisas de extrema importância como acontece hoje.

O Brasil é um país rico mas Temer está nos levando à miséria e ao desespero.

Com essa fortuna nossos doutores e cientistas com bolsas de estudos para cursos em grandes universidades do mundo não estariam sendo obrigados a voltar ao país por cortes desumanos; nossos hospitais não seriam máquinas de matar pacientes por falta de aparelhos, de médicos especialistas, de gestão.

Com esse dinheiro bem empregado em nosso programa de um submarino nuclear, iniciado há anos pelos militares, desde o ano passado já estaríamos monitorando as costas brasileiras e nossas 200 milhas com a segurança que merece o povo brasileiro.


Com esse dinheiro com certeza poderia garantir políticas públicas para o fim do trabalho infantil e do trabalho escravo no país.

Com essa fortuna incalculável usada como moeda de troca para continuar com a corrupção de um homem exatamente processado por corrupção, mais de 13 milhões de bocas famintas do programa Bolsa Família teriam garantia de continuidade de acesso à alimentação, educação e saúde, e não a cortes contínuos no programa.

Para manter-se no Planalto com sua quadrilha e continuar a entregar as riquezas brasileiras às multinacionais ou estados estrangeiros e acabar de vez com os direitos sociais e previdenciários dos brasileiros o golpista ao que tudo indica entregaria a própria mãe, se preciso fosse.

Comentários