Estão felizes? Gás de cozinha sobe 45% em 2 meses e pode passar dos R$ 85,00


O preço do botijão de gás sofreu o quinto reajuste em 35 dias. No acumulado do período, houve elevação de 49,3% no produto nas refinarias. A última alta, de 12,9%, foi anunciada ontem e começou a valer à meia noite desta quarta-feira. Se o repasse ao consumidor for imediato, a expectativa é a de que haja um aumento de 5,1% no botijão de gás, cujo preço médio atual para Minas Gerais é de R$ 65 e o máximo R$ 85.


Desde 5 de setembro, o botijão já subiu 6,5%, saltando de R$ 61 para R$ 65, conforme levantamento da Agência Nacional de Petróleo (ANP). O índice é quase três vezes maior do que a inflação, que somou 2,54% no acumulado de 12 meses

Com informações da Folha de São Paulo

Comentários