Golpe pariu um ministro do STF que critica novela e bate boca no Twitter como Lobão


Por Kiko Nogueira - Por mais baixas que fossem suas expectativas com Alexandre de Moraes, e elas resvalavam o chão, você não contava que ele fosse virar crítico de novela.


Mas tudo é possível no novo normal do Brasil. Até ministro do STF dando pitaco sobre folhetim da Globo.

Moraes usou sua conta no Twitter para tecer considerações acerca de “A Força do Querer”, cujo último capítulo foi ao ar na sexta.

“Vocês concordam com o glamour do tráfico de drogas, banhado a sangue contra o trabalho sério do povo brasileiro?”, questionou no Twitter.

Bateu também em Josias de Souza, colunista do Uol.

“Ignorância, burrice, apoio ao tráfico, ou tudo junto, que soma mais de 40% das mortes no país. É fácil criticar sem conhecer a realidade”, disse.

Os tuítes instigaram os internautas. E então Alexandre de Moraes se transformou em Lobão.

Um vexame completo. “Vai plantar pé de maconha, bicho”, sugere um sujeito. “Vá trabalhar!”, devolve o ministro. E por aí afora, ladeira abaixo.


O silêncio e o decoro dos juízes, virtualmente desaparecidos, tinham uma função marginal no tempo em que ninguém sabia o nome deles: pareciam especiais, inteligentes, de alguma maneira superiores.

No momento em que tiveram suas sessões televisionadas, ficaram expostas suas virtudes intelectuais. O Mensalão os tornou estrelas. Faltava partirem para a porrada nas redes sociais.

Com o cadáver da democracia fresquinho após o caso Aécio, incidente que tem as digitais da Corte, Alexandre de Moraes se põe a deblaterar a respeito de um lixo de entretenimento que, em três dias, será esquecido.

Para quem achou que Gilmar era nosso limite, ganhamos Moraes. E isso é só o começo.

Pode esperar suas considerações a respeito do campeonato brasileiro de pontos corridos e a nudez na arte. Contando: 10, 9, 8, 7…

Comentários

  1. Comparar alguém com Gilmar Mendes é impossível. Gilmar Mendes é uma criatura da floresta amazônica desencantada e só algum pajé para encantá-lo novamente, enquanto isso não ocorre ele vai continuar fazendo estrago e beneficiando bandidos e oligarcas contra o Brasil e as demais populações.
    Alexandre de Moraes foi nomeado pelo psicopata e quadrilheiro Michel Temer e não poderia esperar diferente.
    Mas acredito que ele está sendo humilde e o único que está buscando conhecer matéria, tempo e espaço e conhecer o mundo e as pessoas reais e materiais que já deve ter ouvido falar juntamente com todos os ministros e desembargadores.
    Vai conversar pelo twitter e vai descobrir que existe vida material humana, vai procurar as pessoas e tocá-las além de satisfazer a curiosidade sobre a vida material e concreta que ele poderá buscar conhecer in locus indo visitar comunidades, indústrias, comércios, agropecuária e conhecer produção, administração, o trabalhador e o trabalho e a realização concreta e real e também conhecer a miséria por dentro como ela é.
    Contará para seus parceiros do STF e estes levarão ao STJ e as demais instâncias e alguns poderão atiçar a curiosidade e a crença e procurarem conhecer também.
    Poderá vir a ser que a partir dele daqui há alguns anos ou décadas poderemos ter tribunais de justiça e justiça real e concreta no país. Sem julgamentos contra leis expressas e doutrinas, sem privilégios a grupos dominantes e vendas de sentenças no interesse das oligarquias e do poder público.
    Com o conhecimento da existência material acabarão tendo o renascimento a priori r passarão ser portadores de razão e não se sujeitarão mais à comparação da memória apenas.

    ResponderExcluir

Postar um comentário