Jornalista ironiza: “Primeiro a gente tira a Dilma, depois os remédios gratuitos do povo”


247 – O jornalista esportivo Flávio Gomes, dos canais Fox Sports, comentou em seu Twitter a ideia do governo Temer em encerrar o Programa Farmácia Popular. “Primeiro a gente tira a Dilma”. Agora tira os remédios gratuitos, escreveu o jornalista em seu perfil na rede social.


O programa garante a distribuição de medicamentos gratuitamente ou com até 90% de desconto, beneficiando as populações mais pobres e teve 400 das suas farmácias fechadas por Temer. Agora, o governo quer mudar o modelo de pagamento para farmácias particulares credenciadas. Representantes do setor dizem que as novas propostas colocam o programa em xeque e podem inviabilizar o programa.

Comentários