ESCÂNDALO! “Trate confidencialmente dos valores”, falou diretor da JBS sobre patrocínio a Gilmar


DCM - Em reportagem sobre as “relações perigosas” entre Gilmar Mendes e a JBS, a Veja reproduziu um email de Francisco de Assis, diretor jurídico da empresa de Joesley Batista, tratando de “novo patrocínio ao IDP”, o instituto do ministro do STF.


Os valores do patrocínio tinham de ser tratados confidencialmente.

Ainda segundo a revista, Assis propôs que o IDP organizasse um seminário em defesa da anistia ao caixa 2. “Assis deixou evidente que a JBS remuneraria o instituto pela ajuda”, diz a reportagem.

Sua intenção era que um procurador e uma juíza que investigavam a empresa fossem convidados.

Comentários