Jurista e comentarista da CBN da Globo, diz que Lula terá salvo conduto do STF


O jurista e comentarista da Rádio CBN (das organizações Globo) Walter Fanganiello Maierovitch, afirmou ontem por meio de seu Facebook que o ex-presidente Lula, condenado a 12 anos de prisão pelo TRF-4 no último 24 de janeiro, irá obter salvo conduto do STF, segundo o jurista o entendimento da prisão na segunda instância mudou no STF e com a entrada do advogado Sepúlveda Pertence, como advogado de defesa de Lula, Carmen Lúcia deve pedir suspeição em julgar questão que se refere diretamente ao ex-presidente Lula.


Veja o que diz o jurista:


Prezados. LULA VAI OBTER SALVO CONDUTO NO STF. No habeas corpus preventivo impetrado, a presidente e ministra Carmem Lúcia deu-se por impedida em razão de amizade intima com o ex-ministro Sepúlveda Pertence, agora advogado de Lula. Sobre o tema admissão de execução provisória de sentença condenatória com expedição de mandado de prisão, o STF está dividido. A jurisprudência que admitia a prisão provisória (a votação foi 6 votos contra 5 votos) sofreu mudança. No momento e com o afastamento de Carmem Lúcia, ocorrerá, — com base no declarado e noticiado—, empate de 5×5. Em sede de habeas-corpus, quando ocorre empate (e Carmem Lucia não participará para desempatar), aplica-se o “in dubio” pró paciente, e Lula é o paciente no caso. Com efeito, e tecnicamente (sem clima de FlaxFlu), a iminente ordem de prisão do TRF, —-em face do caso triplex do Guarujá e de sentença condenatória de primeiro grau (Moro) confirmada–, será suspensa por salvo conduto em habeas corpus preventivo,

Comentários

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Obvio né, para surpresa de muitos esse processo nem poderia existir segundo a constituição brasileira... Vamos ver até onde eles vão com essa peça terrorista partidária empetrada contra lula. Nisso a frase do lula que parecia inverídica por ter conotação defensiva mostra se correta.
    " o problema da mentira é a necessidade de continuar contando, tornando seus súditos escravos"

    ResponderExcluir

Postar um comentário