URGENTE! Senado abre consulta pública para venda do Aquífero Guarani


Uma das maiores reservas de água potável do mundo, o Aquífero Guarani está a venda pelo governo ilegítimo de Michel de Temer. 


Os protagonistas dessa operação seria a Nestle e a Coca-cola, que se reuniu com a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), em um jantar pouco depois da condenação do ex-presidente Lula, ministra Cármen Lúcia. Ao que parece, é preciso garantir que Lula não seja eleito, de forma nenhuma, já que a operação de privatização das águas brasileiras é uma das maiores operações econômicas e estratégicas do mundo.

O projeto de lei, com ementa que não explica nenhum detalhe sobre a criação do tal mercado privado do águas, disfarça a entrega de todos os mananciais de água potável do país, incluindo o aquífero guarani.


O aquífero afeta não só o Brasil mas, países vizinhos e a sua exploração indiscriminada por empresas privadas configura um verdadeiro crime contra o povo brasileiro, já que essas águas subterrâneas são uma reserva estratégica para o futuro da humanidade. 


Privatizar as águas brasileiras é acabar com a soberania nacional. Vote na consulta em: https://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaomateria?id=131906

Abrangência estimada do Aquífero Guarani.

Comentários

Postar um comentário